Obras em sete frentes de trabalho modernizam Rodovia do Café

Por Redação 26/07/2017 - 22:13 hs

Sete frentes de trabalho executam obras de duplicação e modernização na Rodovia do Café (BR-376), principal ligação da região Norte do Estado com o Porto de Paranaguá. Os serviços envolvem trabalhos de terraplanagem, drenagem, pavimentação, obras de arte especial e muros de contenção em diversos pontos. Os trabalhos estão distribuídos nas localidades de Tibagi, Alto do Amparo (distrito de Tibagi), Imbaú, Ortigueira, Marilândia do Sul, Califórnia e Apucarana.

A concessionária CCR Rodonorte é a responsável pela administração de todo o trecho de mais de 230 quilômetros da rodovia, entre Ponta Grossa e Apucarana. As obras atualmente em andamento representam investimentos de R$ 360 milhões. Outros R$ 265 milhões foram investidos em obras já concluídas. E há mais R$ 575 milhões para serem aplicados. No total, as obras da BR-376 somarão R$ 1,1 bilhão, somando a duplicação, construção de obras de artes e de trevos e acessos. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) fiscaliza e acompanha cada etapa da obra.

“A Rodovia do Café é um dos principais corredores rodoviários do agronegócio paranaense. A duplicação impactará diretamente na produção, reduzindo o tempo de viagem e os custos da operação das cooperativas e indústrias”, destaca o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.

EVOLUÇÃO - motorista de caminhão há mais de 40 anos, Urbano Dantas, presta serviços de transporte para cooperativas e está acompanhando de perto o processo de modernização da rodovia.

“Eu dirijo por essa rodovia desde 1998 e nos últimos cinco anos ela mudou bastante com as obras. A construção das terceiras faixas e duplicação está facilitando o nosso trabalho”, afirma Dantas.

FASE FINAL – entre os serviços em execução, as obras em Imbaú e Ortigueira encontram-se em estágio mais avançado. Nos dois municípios estão sendo construídas trincheiras e viadutos para melhorar os acessos ao perímetro urbano das cidades.

Em Imbaú, quem passa pelo local pode observar os últimos serviços na concretagem do viaduto. Já em Ortigueira, toda parte estrutural da trincheira está pronta e na parte superior a pavimentação foi concluída. Os maquinários agora estão deslocados na parte inferior, executando os serviços de pavimentação. Em ambos os trechos, a rodovia é sinalizada por fiscais na pista, cones e placas de orientação aos motoristas.