Suspeito de estuprar e engravidar a filha fez outras vítimas, diz a polícia civil

Podem existir mais vítimas no caso de Apucarana.

Por Redação 09/10/2017 - 18:37 hs
Foto: Silvia Vilarinho

A Polícia Civil prendeu o suspeito de torturar, estuprar e engravidar a própria filha, na manhã desta segunda-feira (9), em Apucarana. Outras três vítimas foram identificadas no decorrer das investigações, duas também são filhas do suspeito.  

Roberto Aparecido Teixeira é acusado de abusar sexualmente da própria filha que tinha 11 anos, e aos 13 engravidou dele. Ele é pai e avô, ele nega o crime e fala que a garota engravidou de uma camisinha usada que ele teria deixado na casa e ela pegou. Além disso ele é acusado de abusar de outros dois filhos, uma menina de 12 e um menino de 9 anos, além de uma amiga da filha.