Polícia Segurança

Com aumento de efetivo, PM inicia operação para reforçar fiscalização de áreas estratégicas

A Operação Reforço Policial será realizada de forma contínua todas as quartas e sextas-feiras, período levantado como sendo o de maior circulação de pessoas, com aumento de 50% do efetivo policial.

Por Redação

20/01/2023 às 10:07:13 - Atualizado há
Com aumento de efetivo, PM inicia operação para reforçar fiscalização de áreas estratégicas Foto: SESP

A Polícia Militar do Paraná iniciou nesta quinta-feira (19) a Operação Reforço Operacional, que terá efetivo extra no atendimento de ocorrências para desestimular e prevenir ações criminosas de qualquer natureza. Serão desenvolvidas diversas atividades, como patrulhamento, bloqueios de trânsito, abordagens, saturação de área, bloqueios táticos, além de fiscalização de veículos e pessoas.

A Operação Reforço Policial será realizada de forma contínua todas as quartas e sextas-feiras, período levantado como sendo o de maior circulação de pessoas, com aumento de 50% do efetivo policial. A atuação policial será reforçada principalmente nos locais de maior circulação de pessoas, eixos comerciais e pontos estratégicos levantados pela unidade policial por meio dos sistemas de dados estatísticos e análise criminal.

Em Curitiba, o lançamento ocorreu na Praça Rui Barbosa, com a presença do secretário estadual da Segurança Pública do Paraná, Hudson Leôncio Teixeira.

"Uma operação de extrema importância para todo o Paraná com a utilização de efetivo extra, sem onerar o atendimento no 190. Estamos em período de férias escolares e também de pessoas que chegam para visitar o Paraná e a Polícia Militar vai atuar pra garantir a segurança de todos", disse.

O comandante-geral da PMPR, coronel Sérgio Almir Teixeira, falou da importância de realizar uma operação contínua em todo o Estado. "A Polícia Militar trabalha com a segurança e com a sensação de segurança. Quando a população vê os policiais militares, sabe que estarão protegidos da criminalidade e que estamos presentes em todas as regiões do Estado", concluiu.

Comunicar erro

Comentários Comunicar erro

Veja Paraná

© 2023 Veja Paraná - Todos os direitos reservados.
Jornalista Responsável Mauricio Santos // [email protected]

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Veja Paraná