magalu
uol
webhotel

Maringá volta decretar toque de recolher e fecha parques e praças

Cidade está em alerta com aumento dos casos de coronavírus

Por Redação em 26/11/2020 às 11:39:21

O prefeito de Maringá Ulisses Maia (PSD) decretou ontem (25) novas medidas de restrição e isolamento social em razão do crescimento de casos de coronavírus na cidade. Maringá teve 407 novos diagnósticos da Covid-19 nesta terça-feira (24) e com o crescimento das infecções, a cidade teme a "segunda onda" da doença. Além dos casos, seis mortes também foram confirmadas.

O decreto publicado em edição do Diário Oficial do Município estabelece uma série de medidas, entre as quais o retorno do toque de recolher, bem como a limitação em 50% da capacidade de passageiros no transporte coletivo.

Bares e restaurantes também tiveram a redução de uma hora no funcionamento. Antes o horário determinado era até as 23h00, mas com o novo decreto, os estabelecimentos devem fechar às 22h00.


VEJA AS MEDIDAS

  • Toque de recolher das 23h às 05h (multa de R$ 200 em caso de descumprimento)
  • Transporte deve circular com 50% da capacidade
  • Bares e restaurantes fecham às 22h, sendo permitido apenas o delivery após o horário
  • Suspensa a prática de esportes coletivos em campos e quadras públicas e privadas
  • Festas e eventos podem durar no máximo 6h e só podem acontecer entre 08h e 22h.
  • Consumo de alimentos em feiras devem ter 1 metro de distância entre os clientes.
  • Proibição de aglomerações em espaços públicos, sob pena de multa de R$ 500 por pessoa
  • Fechamento de parques e praças

O decreto ainda suspende as seguintes atividades em condomínios, clubes e associações da cidade:

  • Esportes coletivos;
  • Churrasqueiras;
  • Piscinas de lazer;
  • Assembleias e reuniões presenciais.

Seguem permitidos, conforme o decreto, as seguintes atividades:

  • Esportes individuais ou praticados em dupla;
  • Piscina para natação com raias;
  • Academia;
  • Lanchonetes que respeitem as regras de distanciamento.

O decreto em Maringá acontece um dia depois que a prefeitura anunciou a mudança da matriz de risco de amarelo (moderado) para laranja (alto risco). Em um período de 48 horas, a cidade registrou dois recordes de casos confirmados de coronavírus; Na segunda-feira (23) foram 404 novos casos, e na terça-feira (24), 407 infecções.

Maringá também passou a ter o maior número de infecções na média móvel em sete dias, com 218 ocorrências diárias, valor 153% superior ao registrado nas duas semanas anteriores.

Desde o início da pandemia, Maringá soma 196 mortes por coronavírus e 13.893 casos da doença. Desse total, 11.150 estão recuperados; A taxa de ocupação da UTI nos hospitais da cidade é de 54%.

Comunicar erro
magalu 2

Comentários

magalu 3