magalu
uol
webhotel

Para Diniz, São Paulo precisa de união para continuar lutando pelo título no Brasileirão

O São Paulo parece ter perdido o rumo do título do Campeonato Brasileiro. Nos cinco jogos disputados em 2021, o clube não venceu nenhuma vez (três derrotas e dois [...]

Por Redação em 24/01/2021 às 20:45:17

O São Paulo parece ter perdido o rumo do título do Campeonato Brasileiro. Nos cinco jogos disputados em 2021, o clube não venceu nenhuma vez (três derrotas e dois empates) e a má fase levou o time ao segundo lugar na tabela de classificação, um ponto atrás do Internacional. Porém, para o técnico Fernando Diniz nada está perdido. Faltando seis jogos para o fim do Campeonato, o treinador já sabe o que é necessário para voltar a disputar o título: união. “Tudo é trabalho, não tem o que fazer. Para te responder, a maneira é trabalhar, acreditar nas nossas forças, na coesão. A única coisa que não podemos acreditar é que está tudo errado e precisa parar de trabalhar. Hoje (sábado) se tivesse ganhado um jogo que era para ter ganhado, o clima era diferente”, afirmou Fernando Diniz, em coletiva de imprensa após o empate por 1 a 1 com o Coritiba, no estádio do Morumbi.

Mesmo diante de uma situação delicada e com o título do Brasileirão cada vez mais distante, o treinador não descarta a possibilidade de conquistar o torneio. Um dos objetivos é recuperar a confiança do elenco. “Obviamente a gente pensa em título, o time mostrou que tem qualidade, ficamos na liderança um bom tempo e tem condições de começar a vencer. Em relação a recuperar confiança, a gente está fazendo o máximo para isso. O primeiro passo é o que fazemos, de estar juntos, as derrotas fazem os jogadores se aproximarem mais”, comentou o técnico. “A única coisa que não dá é acreditar que está tudo errado e deixar de trabalhar achando que vai ter resultado. Não tem passe de mágica. Se tivesse ganhado, já haveria um clima diferente. Agora é procurar trabalhar intenso, se juntar cada vez mais para superar esse momento que estamos passando”, completou Fernando Diniz.

Antes da partida deste sábado o time teve momentos difíceis. O ônibus que levava a delegação para o estádio foi atacado com pedras por um grupo de torcedores. O ônibus teve alguns estragos, mas ninguém ficou ferido. 14 pessoas foram presas pelo ataque. Tentando retomar a sequência de vitórias, o São Paulo volta a campo apenas no próximo domingo, às 16 horas (horário de Brasília), para enfrentar o Atlético Goianiense, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pela 33ª rodada do Brasileirão. A sequência até o término da competição é: Palmeiras (casa), Ceará (casa), Grêmio (fora), Botafogo (fora) e Flamengo (casa).

*Com informações do Estadão Conteúdo

Fonte: JP

Comunicar erro
magalu 2

Comentários

magalu 3