magalu
uol
webhotel

Pastora mandou matar o marido segundo minist√©rio p√ļblico

Por Redação em 24/08/2020 às 17:19:30

A Polícia Civil do Rio de Janeiro iniciou nesta segunda-feira, 24, a Opera√ß√£o Lucas 12 para prender envolvidos na morte do pastor Anderson do Carmo, assassinado com mais de 30 tiros em 16 de junho de 2019. Conforme as investiga√ß√Ķes, a deputada federal Flordelis (PSD-RJ), viúva do pastor, é a mandante do crime. Além disso, teria tentado envenenar o marido v√°rias vezes. Quatro filhos do casal foram presos. No total, os agentes cumprem nove mandados de pris√£o e outros 17 de busca e apreens√£o no Estado do Rio de Janeiro e no Distrito Federal.

Flordelis é uma das 11 pessoas denunciadas pelo Ministério Público do Rio de Janeiro. Ela vai responder por homicídio triplamente qualificado (por motivo torpe, meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima), associa√ß√£o criminosa, falsidade ideológica e uso de documento falso. Pelo envenenamento, responder√° por tentativa de homicídio. De acordo com a Justi√ßa, Anderson foi morto por quest√Ķes financeiras. Contudo, apesar das acusa√ß√Ķes, a deputada federal n√£o pode ser presa em raz√£o da imunidade parlamentar, o chamado foro privilegiado.

magalu 2

Coment√°rios

magalu 3